segunda-feira, 18 de novembro de 2013

Dicas e outras coisas parecidas


Volta e meia recebo emails de pessoas que pretendem iniciar se ou que se iniciaram a pouco tempo na mui nobre arte de profissionais do sexo, que infelizmente ainda não se encontra legislada no nosso país .

Na minha opinião seria urgente os nossos governantes tratarem disso e porem nos a todas com direitos e deveres inerentes a qualquer trabalhador que se preze.. e depois, com as receitas auferidas pelos impostos,  Portugal sairia da crise que era um instantinho.. ou não ..

Também é verdade que só não paga impostos quem não quer , até as prostitutas, mas isso são outros quinhentos e eu já estou a divagar.. O assunto deste texto é outro..

Como eu dizia , recebo emails a pedirem me conselhos essencialmente de “como fazer “ ..

Ora , na minha consciência deparo me com duas questões :

Se aconselho posso estar a ajudar alguém a iniciar se em algo que mais tarde se pode vir a arrepender .. é que depois por muita borracha que se tente passar no passado, pelo menos no intimo, penso que jamais será apagado..

 Se não aconselho, também posso estar a virar as costas a quem me procurou ( virtualmente) e isso vai contra o meu feitio..

Isto , e atenção que isto é muito importante , tendo em conta que quem me envia os tais emails , o esta a fazer de plena livre vontade..

 Decidi então não dar conselhos a ninguém , ou seja , não responder a esses emails e escrever antes aqui um texto a vista de todos , com as minhas opiniões e considerações sobre certas coisas e quem tiver interessado que tire as ilações que mais lhe aprouver ..

 Antes de mais , isso de se ser acompanhante de luxo é muito bonito e tal ( não nego que as haja , mas isso daria pano para outro texto) , mas ninguém que se convença que poderá ser considerada de acompanhante de luxo sem ser considerada também de prostituta, ou puta..

Afinal o que difere uma acompanhante de luxo de uma prostituta?

O valor dos honorários?

As roupas ?

A educação e cultura geral?

Ir a viagens e a jantares, etc?

Ter se um corpo de modelo?

Ter um anuncio no melhor site de acompanhantes ou num site de anúncios grátis ou fazer se representar por uma agência?

É verdade, tudo isto pode fazer alguma diferença , mas todas acabamos por vender o nosso tempo, disponibilizar o nosso corpo para dar prazer a alguém que não conhecemos primariamente de lado nenhum, fazer companhia a quem se sente só, escutar quem simplesmente precisa de ser ouvido , realizar fantasias que nem são nossas ou simplesmente …….foder..

 Já li opiniões de clientes das ditas acompanhantes de luxo que acharam o serviço uma merda e opiniões de clientes de acompanhantes low cost que acharam o serviço um luxo..

Eu considero me uma acompanhante simples , sem ser de luxo..

No fim, somos todas putas .. quer queiramos , quer aceitemos … ou não..

 Portanto minhas amigas , estão preparadas para saberem que passarão a serem referenciadas por …….putas? É que ate podem não fazê lo a nossa frente , mas…..

Mas mais importante, estão preparadas para se olharem no espelho e saberem que são umas putas?

Ah pois é.. e agora? Já tinham pensado nisso?

 A mim não me faz impressão alguma.. Tenho as putas como pessoas normais , ta se bem..

Uma regra importante é não misturar as coisas pessoais com coisas da actividade ( e agora  aquele ditado antigo “ faz o que eu digo e não faças o que eu faço” assenta me que nem uma luva .. cof cof )..

É básico ter um telemóvel somente para os anúncios em que a qualquer momento que nos seja preciso ou queira mos , simplesmente desliga lo e claro cujo numero se for pesquisado no Google não revele mais do que queremos ..

Dar o numero do anuncio (numero profissional) somente a quem quisermos que saiba desta nossa actividade..

Não vão querer que aquela amiga que ate conhece a nossa família e  que nos julga umas santinhas se lembre de se por a pesquisar na net o nosso numero novo e de de caras com meia dúzia de anúncios um tanto ou quanto pecaminosos … certo?

Dar o numero pessoal a clientes, também pode ser complicado.. pode surgir a situação inversa, embora mais dificil,mas uma certeza podem ter: se o cliente não tiver a noção do bom senso, o vosso telemóvel pessoal poderá receber sms ou telefonemas a qualquer hora do dia ou da noite, mesmo quando vocês estão a tomar banho e o telele dica a disposição de um familiar mais curioso.. e isso pode dar merda grossa..

Um nome alternativo também é uma excelente ideia pelos motivos óbvios ..

Arranjar um sitio para os convívios fora da nossa área de residência e longe de qualquer familiar ou amigo cusco, também é porreiro e poderá evitar algumas chatices ..

Por todos os motivos óbvios e mais alguns que nem vale a pena referir ( segurança, higiene , conforto, privacidade , bla bla bla ) o ideal é arranjar um apartamento com os mínimos das condições para receber os clientes como eles merecem..

Ou um quarto num apartamento partilhado por outras acompanhantes , sendo as despesas do mesmo dividido por todas o que é mais que justo ..

O que eu não acho justo é pagar se uma diária pelo uso de um quarto e depois mais um x  por cada cliente que se atenda .. isso cheira me a outras coisas pouco recomendáveis e largueza com isso..

Para mim o mais correcto será acordar se dar um x por dia independentemente do numero de vezes que se gaste agua , gás etc, ou então dar se um x por cada vez que se gaste esses recursos..

Eu optei por alugar um apartamento onde posso estar a minha vontade..

Para convívio tenho sempre montes de preservativos sempre a mão, lubrificante , rolo de papel, toalhas , um lençol lavado e passado a ferro que ponho na cama na presença de quem me visita e uma toalha lavadinha e gel de banho de vários cheiros ( as vezes é só um , mas pronto) e gel intimo para que a pessoa possa tomar um banho antes e depois .. Ah!! E Listerine .. tudo a disposição do cliente e minha também.. claro..

 Comecei por me anunciar no blog e em alguns sites de anúncios grátis  e mais tarde registei me em fóruns onde me fui dando a conhecer aos poucos ..

Mas também existem sites onde se paga ..

Só uso fotos minhas sem photoshop .. Assim quem vem ter comigo já sabe minimamente como sou e não se sente enganado como as vezes leio que acontece com outras acompanhantes..

Poucas coisas deve de haver pior para uma acompanhante, do que um cliente que se sinta enganado. Afinal, ninguém gosta, né?

Existe mercado para todo o tipo de mulher, sejam magras, gordas (como eu), bonitas, feias , altas , escuras , etc etc ..

Somos todas diferentes, e os homens também, logo  existem gostos para tudo.. O importante é não enganar ..

Por exemplo, lá por a outra fazer isto ou aquilo, não somos obrigadas a fazer o mesmo se não for do nosso agrado.. por exemplo, o sexo anal..

O sexo anal é algo bastante procurado, mas se não nos sentir mos a vontade para o fazer por exemplo porque dói e não aguentamos , não devemos dizer ao telefone que sim, só para apanhar o cliente .. devemos ser sinceras e dizer a verdade ..

1 comentário:

  1. Parabéns pela sinceridade, pela transparencia em abordar a rotina de uma puta linda e maravilhosa como você. Adoro e respeito as putas, mas você é muito fêmea e sabe como agradar um homem. Sou brasileiro, do Rio de Janeiro, e gostaria que você me ajudasse a produzir um evento de sexo livre em Lisboa. Pode ser? meu email é chdimprensa@yahoo.com.br, ficaria honrado com sua resposta. bjs

    ResponderEliminar