segunda-feira, 18 de novembro de 2013

Miss Anita e Mr Slave

A Anita é uma mulher lisboeta, cerca de trinta anos , de cabelos castanhos e longos que lhe emolduram o rosto..
Pouco mais alta que eu, coxa grossa, barriga esteticamente lisinha e com umas mamas !!! 
Oh xenti, que belas mamas ela tem !! 

Conheci a num forum , onde ela chegou através do meu blog e a recepção que teve foi um tanto ou quanto esquisita.. e isto sou eu a ser simpática ..
Ela não desitiu e aos poucos foi ganhando o seu espaço tanto no forum, como fora dele..
Ela não é acompanhante profissional, pelo menos ainda..
Talvez um dia destes dê o passo..
Não sei


Mr. Slave é um dos dois Submissos que guardei dos tempos em que eu andei a brincar as Dominadoras..
Guardei dois ..
 Um que venera a dor e coisas estranhas pondo me a mim mesma a ultrapassar certos limites ( um dia escreverei sobre ele ) e este, que não procura dor física mas sim a psicológica ..

Foi o Mr. Slave quem deu a ideia de fazer um menage entre nós os três ..
A Anita hesitou muito, pois nunca tinha estado sobriamente com outra mulher , mas a curiosidade falou lhe mais alto.. 
Ela chama me de madrinha,. e eu chamo a de afilhada ..

Ficou marcado para uma segunda feira de manha , e chegaram os dois nervosos .. ela visivelmente ,ele a fazer para disfarçar, mas eu já o conheço de ginjeira .. 
Curiosamente eu estava calma e serena .. Acho que ter andado aos beijos a ela num jantar foristico três dias antes, contribuiu para isso..

Dois dedos de conversa e antes que nos ficássemos somente por ali, mando o Slave a casa de banho arranjar se ( ele até já sabe o que a casa gasta ), mas a Anita foi atrás e parece me que a temperatura por aqueles lados deve de ter subido bastante ..
Eu fiquei a preparar a cama ( coisa  que não teria sido eu a fazer se fosse só a dois ) e fui buscar uma cadeira que coloquei estrategicamente virada para a cama..
A minha ideia era amarrar o Slave a cadeira e proporcionar lhe um espectáculo de iniciação lésbico em que ele teria de pedir , choramingar ,  implorar em desespero para participar ..
Era.. Mas não foi..
Eles vieram da casa de banho todos contentinhos e ele a ver a cadeira viu que eu estava em modo Dominatrix e ficou em modo obediente.. 
A minha afilhada pediu para fumar um cigarro, ele sabendo que eu não fumo todo atrapalhado tentou que ela desistisse da ideia .. confesso, foi bonito de ver  aawq , mas eu , que até sou uma gaja simpática e tal ( cof cof cof ) , fui buscar uma tacita das sobremesas e deixei a fumar ..
Fui a casa de banho e quando regresso, estão os dois algo que atracados .. What ?? não podia ser ..
Mandei o sentar e fui o amarrando, perguntando se estava muito apertado, e quando ele já dizia que sim, eu apertava mais um bocadinho..
Ela tinha trazido dois lenços ja com essa intenção também.. Um vermelho e outro verde, mas eu como sei que ele é do Benfica, decorei lhe o pénis com o do Sporting  aawq

Estava tudo pronto para agora me poder dedicar a minha Anita , com toda a calma e cuidado que um caminho inexplorado merece..
Toquei a .. Beijei a .. Baixo lhe uma alça do lindo body vermelho.. Admiro lhe as fantásticas formas dos seios e beijo lhe um..
Ela disse que também me queria lamber as mamas e baixa uma das minhas alças pretas..
Peço lhe calma , mas ela demonstra pressa .. O Slave pede lhe o mesmo que eu e ela manda o calar que ali quem manda somos nós e ele é somente o nosso escravo..
Sorri ..
Deixo a descobrir me , algo que faz com um misto de curiosidade , timidez, hesitação e de repente tudo muda e ela ordena me ( sim, leram bem , ordena me ) que me deitasse pois ela queria lamber me a cona ..
E eu  klo xxxxx
O Slave  çºu eer34
E eu aaaa aaaa  decido entrar na onda dela  ..  lop
E o Slave w56456uupç

ela despe me ,(ou fui eu ? nem sei ) , deito me e no instante a seguir sinto a língua dela no sitio que ela tinha pressa em provar .. Diz gostar do sabor e continua .. Espreito e vejo que ele está de com um pau tão em riste que parece ir explodir a qualquer momento..
Ela deve de ter reparado no mesmo , pois exige que ele se junte a nós .. Reclamo ao dizer que ele ainda não merece tal benesse , mas ela insiste, ele solta se e eu fico a pensar dois segundos em que parte é que eu tinha perdido o controlo da situação.. wer345 wer345 wer345
Agora ela de 4 lambe me a mim , enquanto por detrás ele lambe a a ela ..
Muda mos , eu também  queria provar lhe a pussy.. Não foi uma tarefa inicial facil, pois a timidez e hesitação  voltaram a apoderar se dela , mas ela entretida com o caralho submisso na boca, lá se descontraiu e pude entreter me eu um bocadinho naquele grelinho pequenino mas sensível que ela tem ..
Daqui para a frente, a cena passa me um pouco difusa pela mente .. foram trocas e baldrocas a mais para eu registar com nitidez suficiente ..
Mas recordo me de nós as duas de volta do seu pau e eu a tentar que ambas os lambesse mos em uníssono..
Mandei a sentar se na cara dele enquanto eu o montava  , e ela cheia de problemas com medo que ele não conseguisse respirar e só a consegui convencer ao dizer lhe " mas ele gosta !!!".. 
Ela em cima dele a fode lo cheia de vontade .. Ele a suar já por todos os lados ..
Ela a chupa lo até ele se vir todo e eu a dar uma de voyeur a apreciar a cena ..
Ele todos partido e satisfeito deitado ..
Ela voltou da casa de banho a explicar a madrinha que ja tinha lavado a boca com listerine e a sentar se ao meu lado na cama ..
E eis que acontece um dos momentos que mais bonitos que eu já vivi .. 
Ela calminha , agora serena e descontraída, permitiu que eu a beijasse nos lábios com ternura  e carinho, uma... duas... três ... varias vezes .. xcyui
Agradeço ao Mr. Slave o fantástico presente que ele me ofereceu..

Próximo capitulo : Anita regressa a Leiria e traz com ela Mr. F

Sem comentários:

Enviar um comentário